Plantão de Notícias

Artigo Reflexão: “Deu o like, clicou no sininho”

Por: Rev. Adi Éber Pereira Borges

“Mas vós, continuou ele, quem dizeis que eu sou? Respondendo Simão Pedro, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo”. Mateus 16.15-16

Vivemos no tempo da informação ultra rápida e do acesso à todos os conteúdos que se quer. É possível afirmar que de quatro a cinco gerações estão coexistindo nesse fantástico e encantador período da história. Hoje, com um clique, acessamos canais em nossos Smartphones, Tablets e iPads em qualquer lugar e a qualquer momento, e buscamos a informação que necessitamos.

Podemos interagir em tempo real deixando likes positivos e negativos e fazendo comentários nos chats. Quando a produção de conteúdos nos interessa muito por conta de nossos gostos e necessidades, podemos nos inscrever nas páginas e canais e, ainda clicar no sininho para receber notificação de novos conteúdos. A Igreja, sabiamente, também se adaptou e entrou nesse novo tempo.

Jesus estava em plena produção de conteúdos; relacionando-se com as pessoas e com o mundo de sua época indagou de seus discípulos qual estava sendo a repercussão. O que as pessoas estavam achando? Era de interesse comum? Estavam assimilando o conteúdo e relacionando-o com a pessoa? Suas propostas estavam tendo engajamento? E os seus próprios colaboradores e discípulos “compraram” a ideia e estavam dispostos a compartilhar com outras pessoas?

Como nos dias atuais, naqueles também havia dificuldade de interpretação e de interesse; nem todas as pessoas estavam dispostas em se conectar. Mas os discípulos, representados por Pedro naquele momento, fizeram uma afirmação contundente, realista e que despertou um engajamento gigantesco. “Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo”.

A partir daquela afirmação ganharam o privilégio de poderem participar e colaborar na missão de abertura do Reino de Deus para todas as pessoas. Ganharam as “chaves dos céus”. Na linguagem atualizada, diríamos que os discípulos e discípulas de Jesus “sentaram o dedo nos likes”, pois, curtiram muito e o sininho tocava toda hora, porque todos os dias recebiam notificações de novos conteúdos.

Hoje, eu e você também recebemos o convite para nos conectarmos com Deus e fazermos parte da missão de Jesus Cristo. Mas para isso devemos estar em sintonia e concordantes com a afirmação de Pedro. Como participantes da Igreja de Cristo e do Reino dos Céus, também recebemos as chaves e a responsabilidade de mostrar o acesso para quem convive conosco.

O Reino de Deus está acessível para todas as pessoas que dele quiserem participar; é só dar o like espiritual, aceitar o convite se inscrevendo nele e a cada leitura bíblica receber conteúdo novo.

Rev. Adi Éber Pereira Borges†

Compartilhem, deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by