Plantão de Notícias

Homem de 63 anos é morto a pauladas em assentamento de Brejo Alegre

Jaime Domingues Girotto, morreu no local.

Da redação Diego Alves

Um homem de 63 anos Jaime Domingues Girotto, foi morto na manhã deste domingo (15), a “pauladas”, em um assentamento no município de Brejo Alegre (SP). Segundo testemunhas, o autor que ainda não foi identificado, estaria correndo atrás da vítima, neste momento houve o golpe, que acertou a vítima na região da cabeça, vindo a óbito no local.

Policiais militares Cabo Costa e Soldado Antônio, realizavam patrulhamento pelo município de Brejo Alegre (SP), quando foram acionados via copom para atender uma ocorrência a princípio de agressão com vítima, em um assentamentona proximo ao trevo da cidade. Rapidamente os militares se deslocaram até o local.

No local, os militares se depararam com um homem, identificado posteriormente por Jaime Domingues Girotto, de 63 anos, já sem vida, com um ferimento grave na região da cabeça, aonde testemunhas relataram que um indivíduo havia golpeado a vítima com um “Pedaço de Pau”, o atingido na cabeça e caindo ao solo. Em contato com a delegacia central de Birigui, compareceu o Delegado Dr° Eduardo Lima de Paula e um investigador plantonista, aonde tomaram conhecimento sobre o homicídio.

Uma equipe de perícia do IC (Instituto de Criminalística), foi acionado e compareceu no local que foi preservado por policiais militares para realização dos trabalhos de campo, afim de colher informações. Segundo os militares relataram ao delegado, a vítima foi encontrada caída ao solo e com uma grave lesão na região da cabeça. Ainda segundo os militares foram acionados, aonde duas pessoas estariam brigando, aonde segundo a denúncia, um homem corria atrás da vítima no momento que o golpeou na região da cabeça. Ao chegarem no local encontraram a vítima Jaime Domingues Girotto ao solo, já sem vida.

Na casa de Jaime, foi localizado uma carabina de pressão, modificada para disparar munições de calibre .22, e também um celular que seria da vítima, sendo ambos entregues ao delegado.

Testemunha

Uma testemunha que estava pelo local, relatou que estava distante, em uma plantação de mandioca, e afirmou apenas ter visto um indivíduo branco e magro, correndo atrás da vítima com um “pedaço de pau”, momento que ele foi golpeado na região da nuca, pelo autor. A testemunha relatou ainda que a vítima já havia tido vários desentendimento pelo local.

IML

Os militares realizaram contato com familiares da vítima aonde após os trabalhos de perícia, o corpo foi liberado e encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal), aonde passará por exame necroscópico e após liberado para os familiares.

Investigação

Será instaurado inquérito policial para a elucidação dos fatos, motivação e identificação do possível autor. O caso foi registrado como homicídio.

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by