Plantão de Notícias

Homem é preso pela terceira vez após ameaçar a mãe de 63 anos, em Birigui

Foto ilustrativa

Da redação Diego Alves

Um homem de 35 anos, morador de Birigui (SP), foi preso na madrugada desta quinta-feira (25), acusado de violência doméstica. Ele teria ameaçado a própria mãe que tem 63 anos. Segundo a vítima, já é a terceira vez que ele é preso pelo mesmo crime.

Segundo informações da Polícia Militar, os militares Cabo Ilan e Soldado Aragão, realizavam patrulhamento, quando por volta das 05h20min, foram acionados via Copom a comparecer em uma residência pela Avenida João Cernach, no Centro de Birigui (SP), aonde haveria situação de violência doméstica entre mãe e filho.

Rapidamente a equipe se deslocaram até o local, em contato com a vítima, uma senhora de 63 anos, ela informou aos policiais que seu filho, de 35 anos, é usuário de drogas e que já registrou ocorrência contra ele e teve medida protetiva deferida, no ano de 2019, sendo o mesmo preso em flagrante por duas vezes, uma delas por descumprimento de medida protetiva e que ficou preso até o ano de 2021, onde saiu da cadeia e retornou a morar em sua residência, com a vítima.

Ainda com o que foi apurado, a vítima relatou que na madrugada de hoje (25), o seu filho ameaçou-lhe verbalmente, dizendo que iria matá-la, chegando a apontar-lhe uma faca, em seguida também danificou diversos objetos dentro de seu imóvel. O acusado também havia quebrado diversos objetos na casa de seu irmã, que faz frente com o imóvel, localizada no mesmo terreno que o da vítima.

Em contato com o indivíduo, Indagado, o acusado nada disse sobre os fatos, permanecendoem silêncio. Foi dada voz de prisão em flagrante delito ao indivíduo e o mesmo conduzido ao Plantão Policial. O acusado apresenta um corte em seu antebraço direito, sendo consequência dos objetos que quebrou na casa da mãe, sendo encaminhado ao Pronto Socorro Municipal para atendimento médico, pela equipe policial.

Vitima

A vítima disse ao delegado que deseja representar criminalmente contra o autor, seu filho, pelos atos de violência doméstica e familiar. A vitima solicitou medida protetiva de urgência, e que inclusive foi fixado limite de distancia entre o autor e a vítima.

Preso

Após atendimento médico, o acusado foi liberado do Pronto socorro municipal, retornando ao distrito policial, aonde o delegado ao tomar ciência dos fatos ratificou a prisão do acusado.

Fiança

Foi arbitrada fiança no valor de R$2.000,00 (dois mil reais), que não foi apresentado por ele, motivo pelo qual o acusado será encaminhado para a Cadeia Publica de Penápolis (SP), onde permanecerá à disposição da justiça.

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by