Plantão de Notícias

Idosa de 81 anos é presa acusada de “sumir” com documentos de vizinhos, em Birigui

Foto reprodução: Idosa foi gravada pegando a pasta

Uma idosa de 81 anos foi presa na tarde deste sábado (16), acusada de supressão de documentos. Ela é acusada de pegar uma pasta com passaportes e documentos na casa de uma vizinha e sumir com os documentos. A ação da idosa foi gravada por uma câmera de segurança de um vizinho.

Consta no boletim de ocorrência, que uma equipe da Polícia Militar foi acionada na rua Lino Tonsig, em Birigui, para averiguação de um “furto” em andamento. A equipe fez contato com uma das vítimas, um homem de 34 anos, que informou que na tarde deste sábado (16), por volta das 13h25min, foi até a casa da sua sogra e chamou por sua esposa, uma mulher de 32 anos, mas elas não estavam em casa.

Ele então jogou no quintal da casa uma pasta de documentos azul, onde estavam três passaportes de cidadania espanhola (dois da sua esposa e, um do seu falecido sogro), bem como toda a documentação original utilizada para retirar a cidadania espanhola.

O homem estima ter gasto em torno de R$ 50.000,00, para a retirada dos documentos. A esposa e a sogra chegaram ao imóvel cerca de dez minutos depois e não encontraram a pasta deixada por ele.

IMAGENS

Ainda de acordo com informações do boletim de ocorrência, um vizinho possui câmeras de
segurança e nelas era possível ver que a vizinha, idosa de 81 anos, trajando um vestido estampado, nas cores azul/roxo/preto, vai até o portão e tenta pegar a pasta de documentos, mas não consegue em um primeiro momento. Ela então busca um pedaço de pau e com ele, consegue acessar a pasta.

Os policiais foram falar com a idosa, que negou ter se apossado da pasta e autorizou a entrada em sua casa. Os documentos não foram localizados, porém, foi localizado o vestido por ela utilizado durante a ação filmada pelas câmeras de segurança.

Já a pasta foi então vista no quintal da casa de um vizinho, aos fundos da casa da idosa. O vizinho autorizou a entrada dos policiais na residência. Porém, a pasta estava vazia. A idosa suprimiu ou ocultou os documentos existentes na pasta, provavelmente para prejudicar as vítimas.

PRESA

A idosa foi conduzida a Delegacia da Polícia Civil, onde o delegado plantonista ratificou a prisão em flagrante pelo crime de supressão de documentos. Ela permaneceu presa e a disposição da justiça.

NEGOU

Em seu interrogatório, a idosa negou as acusações. Ela assistiu o vídeo das câmeras de segurança antes de ser interrogada e, disse que confirma ser a pessoa que aparece nas imagens indo até a casa da sua vizinha por duas vezes e saindo do local levando uma pasta azul.

Mas ela negou ter destruído ou ocultado qualquer documento. Segundo ela, foi até o local falar com a vizinha, tendo chamado ao portão e ela não atendeu. Por não saber se ela estava ou não em casa, decidiu pegar um pedaço de pau e bater no portão com
força. Ela ainda negou ter usado o pedaço de pau para retirar a pasta azul do interior da casa e afirmou que a pasta que aparece carregando consigo era sua.

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by