Plantão de Notícias

Polícia Civil prende suspeito de ter jogado garrafa que atingiu torcedora palmeirense

Foto rede social

Da redação Diego Alves

Agentes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil de São Paulo prenderam na manhã desta terça-feira (25), no Rio de Janeiro, o homem suspeito de ser o torcedor que jogou uma garrafa de cerveja contra a jovem Gabriela Anelli, no último dia 8.

O caso aconteceu durante uma confusão registrada antes da partida entre Palmeiras e Flamengo e que envolveu torcedores dos dois times

A jovem, atingida no pescoço por estilhaços da garrafa, foi socorrida em estado grave, mas não resistiu e morreu no dia seguinte.

Investigadores da 2ª Delegacia de Homicídios, com apoio de outras unidades, ouviram várias testemunhas e colheram outras imagens.

No dia 15 de julho os policiais fizeram a reconstituição virtual dos fatos, com utilização de drones e o escaneamento de todo o ambiente onde a confusão aconteceu.

Peritos do DHPP conseguiram isolar o arremesso da garrafa e individualizar a conduta de cada torcedor. Em seguida foi possível identificar o homem entre os torcedores do Flamengo que estiveram no local.

Com o resultado das investigações, a Justiça expediu um mandado de prisão contra o homem, que foi cumprido na manhã desta terça. Ele foi preso em Campo Grande, zona oeste do RJ, e será conduzido para a sede do DHPP ainda hoje.

Compartilhem, deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by