Plantão de Notícias

Polícia prende segundo suspeito de matar seguranças em boate de Rio Preto

Jovem foi preso suspeito de envolvimento na morte de seguranças de boate, em Rio Preto (SP) — Foto: André Modesto/TV TEM

Da redação Diego Alves

O segundo suspeito de atirar e matar dois seguranças em uma boate de São José do Rio Preto (SP) após uma briga no local foi preso na manhã deste domingo (28).

O homem de 27 anos foi encontrado machucado e caído às margens da rodovia Assis Chateaudriand, entre São José do Rio Preto (SP) e Guapiaçu (SP).

A polícia recebeu uma denúncia e foi até o local. O suspeito deu nome falso, mas acabou confessando que atirou contra os dois seguranças da boate. O suspeito tem dois mandados de prisão em aberto expedido pela Justiça do Piauí por latrocínios.

Há, ainda, a suspeita de que ele tenha participado de roubos na região de Rio Preto. O homem foi encaminhado para a Central de Flagrantes onde ficará preso.

Clientes expulsos

Fernando Costa Chagas, de 42 anos, e Silmara da Silva, de 52, foram mortos por clientes da boate em Rio Preto na madrugada de sábado (27). Eles separaram uma briga e expulsaram os envolvidos que, em seguida, retornaram ao local e atiraram contra eles.

Após o crime, os suspeitos fugiram e a polícia passou a investigar o caso. Durante a apuração, uma motocicleta roubada foi encontrada às margens da rodovia Assis Chateaubriand. Um jovem de 26 anos foi preso no sábado suspeito de envolvimento no crime.

Os policiais localizaram o suspeito na casa dele. O jovem confessou participação no crime e foi encaminhado à delegacia de Cedral. Ele deve ser transferido para a carceragem da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic). O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.

Com informações de André Modesto/TV TEM

Compartilhem, deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by