Plantão de Notícias

Ribeirão Baixotes passa por desassoreamento com investimento de R$ 2 milhões do Estado

Da redação Diego Alves

O ribeirão Baixotes, principal manancial para captação de água potável de Birigui, passa por processo de desassoreamento. O investimento para a execução do serviço é da ordem de R$ 2 milhões e a verba faz parte do orçamento do Governo do Estado de São Paulo.

A execução do serviço é de uma empresa terceirizada, sob coordenação do DAEE (Departamento de Água e Energia Elétrica), em parceria com a Prefeitura de Birigui. A iniciativa faz parte do programa Rios Vivos, de desassoreamento de cursos d’água no território paulista.

O trabalho começou a ser desenvolvido em 15 de dezembro do ano passado, com previsão de término em maio deste ano. O objetivo da intervenção é alcançar melhorias na qualidade e disponibilidade das águas na represa de captação de abastecimento público, ou seja, traz benefícios diretos para a população da cidade.

Conforme a Secretaria de Meio Ambiente de Birigui, da qual faz parte o Serviço municipal de Água e Esgoto, 65% da água potável captada para tratamento atualmente no município é proveniente do ribeirão Baixotes. “Preservar a capacidade de fornecimento do manancial é de fundamental importância para nossa cidade e nossa população”, ressaltou o secretário André Luiz Branco.

O PROGRAMA

As ações do programa Rios Vivos, coordenado pelo DAEE, tem por objetivo reforçar a segurança hídrica no Estado. As ações preveem, além do desassoreamento de cursos d’água, a perfuração de poços profundos e construção de reservatórios. Segundo descrição do projeto, estão ainda financiadas a elaboração de projetos de preservação de mananciais de abastecimento e projetos para obras de tratamento de esgotos domésticos.

Compartilhem, deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by