Plantão de Notícias

Artigo Reflexão: Uma vida que tem graça

Por: Rev. Adi Éber Pereira Borges †

“… que, por meio dele, tendes fé em Deus, o qual ressuscitou dentre os mortos e lhe deu glória, de sorte que a vossa fé e esperança estejam em Deus ”. 1 Pedro 1.21

E aí, a sua vida tem graça? Não sei se você já parou para pensar nisso, mas vale a pena refletir nos rumos que a vida vai tomando e como vamos caminhando por esse mundo. Há muitas pessoas que vivem rindo, outras passam a vida fazendo as pessoas rirem, acham graça de tudo e de todos. Outras pessoas fingem achar graça, há outras que, por meio de gargalhadas e piadas, escondem uma vida triste. Mas não é sobre essa graça que a pergunta se refere.

A graça sobre a qual queremos pensar não se refere ao estado emocional momentâneo em que uma pessoa esteja, mas aquela que, apesar de todos os percalços do caminho, a vida continua tendo graça. Sim, a minha vida é cheia de graça, e pela graça vou caminhando.

Quem me conhece e anda comigo sabe que não sou de ficar fazendo drama, e muitas vezes sou tido como uma pessoa dura, fria e insensível. Mas, pelo contrário, vivo minhas dificuldades com cabeça erguida, me sensibilizo e, sentindo a dor do outro/a me solidarizo e clamo a Deus pelo cessar da dor. Tenho sentimentos, sou humano, a vida segue.

Como exemplo, compartilho com vocês que nesses últimos dias tenho experimentado uma tristeza profunda, uma enorme decepção e uma violenta chateação, o que eu denomino como dores pastorais. Obviamente, que, por conta da ética e do exercício da vocação pastoral, não posso dizer nomes e nem do que se trata. Clamo a Deus que me cure e me tire essa dor emocional.

Apesar de tudo isso, a vida continua tendo graça e fazendo sentido, e por isso, não desisto, ergo a cabeça, sigo em frente, não finjo, não escondo, mas prossigo porque Deus está comigo no caminho.

A graça a qual me refiro vem de Deus, é o favor que não merecemos, mas por amor a nós Ele nos socorre e faz a vida se tornar bela, colorida e cheia de sentido. Deus plantou em nossos corações a semente da fé, e quando essa semente germina e se desenvolve em qualidade produz, em nós, a esperança.

Quem experimenta a fé no Cristo ressuscitado, ganha uma vida cheia de graça porque Ele mesmo acompanha o/a caminhante na vida.

“ Há uma música dos anos 80 composta por Asaph Borba que diz assim: O meu louvor é fruto do meu amor por Ti Jesus, de lábios que confessam o Teu nome. É fruto de Tua graça e da paz que encontro em Ti e do Teu Espírito que habita em mim. Ainda que as trevas venham me cercar, ainda que os montes desabem sobre mim, meus lábios não se fecharão. Pra sempre hei de te louvar ”.

Sigamos pela vida cantando e testemunhando a graça divina e o amor de Deus.

Rev. Adi Éber Pereira Borges †

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by