Plantão de Notícias

BORRACHEIRO DE 28 ANOS É PRESO ACUSADO DE TRÁFICO DE DROGAS PELA POLÍCIA MUNICIPAL DE BIRIGUI-SP.

Foto Ilustrativa

Da Redação Diego Alves

Um borracheiro de 28 anos, foi preso na noite deste domingo (10), após oferecer drogas a dois GCMs (Guardas Civis Municipais), de Araçatuba (SP). O fato aconteceu em um posto de combustíveis na rua Consolação em Birigui (SP). A Polícia Municipal de Birigui efetuou a prisão do acusado.

De acordo com o boletim de ocorrência, os Policiais Municipais foram acionados a comparecer no posto de combustíveis e, chegando lá os solicitantes contaram que são Guardas Municipais na cidade de Araçatuba (SP), que estavam no posto abastecendo, quando o acusado se aproximou e ofereceu drogas.

Os GCMs recusaram, porém o borracheiro se
distanciou, mas logo voltou novamente oferecendo drogas. Os Guardas Municipais o abordaram e o acusado ficou detido até a chegada dos policiais municipais.

Em revista no interior do veículo, um Fiat Uno, acompanhado dos policiais militares, que também estiveram no local, no assoalho do veículo encontram sete pinos com cocaina. Indagado sobre a droga, o indiciado disse que seria para seu uso. Não foi encontrado nenhum valor em dinheiro.

USUÁRIO

O acusado afirmou trabalhar como borracheiro de caminhões e ganha R$ 1.700,00 por mês. Ele contou ainda ser usuário de cocaína. Disse que foi até a Vila Bandeirantes e comprou de um desconhecido que estava em uma esquina sete pinos para seu consumo pessoal e pagou por eles a quantia de R$ 10,00, por pino.

Relatou que estava no posto de combustíveis com o intuito de abastecer o veículo que estava, no momento em que passou a conversar com uns rapazes e “fez amizade” com eles. Em dado momento,
perguntou se eles também gostavam de “dar um tiro” (usar cocaína), tendo eles concordado. Ele foi até o seu carro para pegar um pino de cocaína para
junto consumir com os rapazes, quando apareceram os policiais municipais e falaram que ele estava preso. Negou que tenha oferecido drogas para a venda, vez que tem um emprego fixo e não precisa disso para viver.

PRESO

O delegado plantonista Dr. Eduardo Lima de Paula, decidiu por ratificar a prisão do borracheiro em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Ele deve ser transferido para a cadeia pública de Penápolis (SP).

Apoio comercial

Deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by