Plantão de Notícias

Homem de 28 anos é preso no Santa Luzia com 42 porções de maconha, em Birigui.

Foto Diego Alves

Da redação Diego Alves

Um homem de 28 anos foi preso na manhã desta terça-feira (05), após policiais militares notarem o indivíduo escondendo uma sacola em um pé de manga em um local de mata, no bairro Santa Luzia (Calçadista), Birigui (SP), ao verificar o que havia no interior da sacola foram localizados 42 porções de maconha, já fracionada para a venda.

Segundo informaram da polícia militar, os militares realizavam patrulhamento pelo bairro Santa Luzia, em Birigui (SP), nesta terça-feira (05), quando pelo cruzamento da Avenida Izaura Macarini Albani com a Rua Leonora Fioroto, local onde ocorrem recorrentes denúncias de tráfico de drogas, avistaram um indivíduo posteriormente identificado como sendo A.L.S.B, de 28 anos, adentrando em uma área de mata levando em suas mãos uma sacola plástica, e notaram que ao deixar o local o mesmo deixou a sacola pendurada em um pé de manga baixo.

Aindo com o que foi apurado, na sequência, sendo acompanhado de longe pela equipe, ele retornou para um imóvel da Rua Luis de Oliveira, uma casa situada distante da mata aproximadamente cerca de 100 metros. Os policiais então olharam a sacola e notaram que havia em seu interior quarenta e duas porções de maconha, embaladas em plástico e prontas para a venda.

Confessou

Diante da constatação da droga, os militares foram até a casa onde viram o acusado adentrar, e o chamaram ao portão, tendo ele vindo de encontro à equipe policial. Quando questionado sobre a droga, em um primeiro momento ele assumiu ser de sua propriedade, porém, não quis fornecer maiores detalhes sobre onde havia adquirido ou por quanto venderia cada porção.

Negou

Na sequência, segundo os PMs, ele passou a negar que a droga fosse sua, gritar que “estavam entrujando nele” e ficou um pouco nervoso, sendo feito uso de algemas para contê-lo e garantir o respeito e à integridade física do dele e dos policiais militares. Diante dos fatos, foi dada a voz de prisão em flagrante delito ao acusado, e com apoio sendo conduzido ao plantão policial judiciário.

Mudou a versão

Na delegacia o acusado A.L.S.B de 28 anos, por sua vez, negou ser dono da droga encontrada. Segundo ele, dormia em sua casa quando foi surpreendido com a chegada dos policiais militares, os quais pediram que saísse do imóvel e passaram a perguntar sobre “um negócio do pé de manga na matinha” e perguntar se ele iria “segurar o seu BO”. O acusado ainda relatou não saber de nada daquilo, “que não havia ido em matinha nenhuma e que era trabalhador”, que na parte da tarde iria trabalhar em um lavajato, onde ganha aproximadamente R$ 40,00 (quarenta reais) por dia trabalhado. Ainda segundo ele, na sua casa, nenhum policial lhe mostrou nenhuma droga, apenas quando já estava na frente da delegacia que viu umas porções de maconha com os policiais, as quais ele negou serem suas, e que desconhece de quem sejam.

Preso

O delegado responsável Dr. Eduardo Lima de Paula, ciente dos fatos e após entrevistar as partes, determinou que fosse a droga apreendida encaminhada ao IC ( Instituto de Criminalística), para constatação de sua natureza. Em seguida, ratificou a voz de prisão anteriormente dada pelo crime de tráfico de drogas. O acusado foi encaminhado à Cadeia Pública de Penápolis, aonde permanecerá a disposição da justiça.

Compartilhem, deixe seu Like 👍

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by