Plantão de Notícias

Homem de 34 anos é preso por importunação sexual, após perseguir jovem de 14 anos, em Birigui

Foto: Diego Alves

Da redação Diego Alves

Um homem de 34 anos foi preso no final da tarde desta quarta-feira (05), por importunação sexual, após abordar uma adolescente de 14 anos. O acusado perseguiu a vítima até a sorveteira próximo da praça, aonde a jovem estava com amigos, sendo socorrida por populares que estavam pelo local.

Segundo o que foi apurado pela nossa reportagem, os policiais Cabo Godinho e Soldado Goes, realizavam patrulhamento preventivo em Birigui (SP), nesta quarta-feira (05), quando foram acionados via copom para atendimento de ocorrência de possível crime sexual na Praça Domingos Lot Neto, conhecida popularmente como ” Praça da Fumaça”.

Ainda com o que foi apurado, o copom informou as características do autor como sendo um homem moreno alto, trajando blusa vermelha, calça jeans clara e estaria portando uma pasta preta na mão. Os policiais, então, foram até o local e se depararam com o indivíduo, momento em que alguns populares apontaram o dedo e indicaram o acusado no local.

Negou

Rapidamente a equipe policial, fizeram a abordagem e identificaram o indivíduo como sendo J.A.S.F, de 34 anos. Em busca pessoal no acusado, nada de ilícito foi localizado em sua posse. Indagado sobre os fatos, ele negou a pratica de qualquer crime ou que tenha abordado alguma adolescente, e que apenas estaria no local para pagar uma cerveja que havia consumido no bar.

Adolescente

Neste momento, os militares, fizeram contato com a vítima, a adolescente, que relatou para os policiais, “que estava sentada com um grupo de amigos na praça conversando, e um indivíduo se aproximou e foi direto na direção dela, perguntando se ela não queria “desenrolar’ com ele, em tom de cunho sexual”. A vítima disse que não, pois tinha namorado, e o indivíduo insistiu e começou a se aproximar dela, momento em que a vítima e seus amigos correram sentido a uma sorveteria no local”.

Ainda segundo a vítima, “o indivíduo continuou em sua direção, e a proprietária do estabelecimento impediu a entrada dele no local, momento em que, o acusado evadiu-se. No entanto, o acusado havia esquecido sua carteira no local, que é uma sorveteria/bar, e quando voltou para buscar o objeto foi abordado pelos policiais e conduzido até plantão policial”

Preso

Duas testemunhas que estavam no local. Estiveram no plantão, aonde confirmaram a versão apresentada pela vítima. O delegado responsável Dr° Guilherme Melchior Valera ao tomar conhecimento dos fatos e após as oitivas, ratificou a prisão do acusado no Art. 215A – Importunação Sexual, permanecendo a disposição da justiça.

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by