Plantão de Notícias

Artigo Reflexão: Te espero no caminho

Por: Rev. Adi Éber Pereira Borges

Se colocar no caminho é preciso, não no sentido de entrar na frente e tornarse um empecilho, mas no sentido de movimento, de ir adiante, de progresso.

Se colocar no caminho ganha dois sentidos, um tomado na sua literalidade, o outro provido de sentido figurativo. O primeiro é a distância percorrida de um lugar para outro; nos locomovemos em certa direção e chegamos no destino desejado. O segundo é a decisão que tomamos diante de algumas alternativas encontradas: podemos seguir essa ou aquela perspectiva e é provável que os resultados alcançados sejam muito diferentes.

Se colocar no caminho então, significa mexerse, é estar disponível para caminhar. Mas e quando não sabemos que rumo tomar? Nesse caso é preciso buscar informações, saber as implicações e ter certeza do que se quer.

Tomé, o discípulo, não teve vergonha de expor a sua falta de entendimento, mas com coragem perguntou ao Mestre aquilo que lhe era desconhecido. De posse das informações necessárias, teve liberdade para tomar sua decisão.

Jesus, o Mestre, não lhe negou a informação, ao contrário deu lhe a resposta pronta e totalmente capaz de levar seu discípulo a entrar no caminho. Ele, Tomé, seus irmãos e suas irmãs ficaram conhecidos como “ os do caminho ”, pois, seguiam o Caminho no caminho.

É interessante notar que nesse diálogo, Jesus assume ser Ele o caminho que leva até o Pai. No entanto, em outro diálogo (Mt 28.20) diz que estará sempre com eles e elas no caminho. Uma identidade completa revelada no Cristo vivo de Deus. É o caminho mas também é o caminhante conosco; não estamos sós, não precisamos estar sós; estamos juntos na caminhada.

Caminhar por esse mundo nem sempre é tarefa fácil, momentos de medo e apreensão tentarão tomar conta de nossa mente paralisando nossos passos. Mas Jesus nos chamando para olhar e crer nele dissevosso coração ”. nos: “ Não se turbe o Não se perturbem, eu estarei com vocês e o Espírito Santo lhes direcionará no caminhar diário, lembrando lhes tudo o que lhes ensinei.

Caminhar sozinho/a não nos faz bem, ainda que precisemos de momentos a sós e introspectivos, precisamos muito mais da companhia uns dos outros. Por isso, eu tomei uma decisão de te esperar no caminho para juntos andarmos no Caminho. A sua companhia me faz tão bem! Dialogando e partilhando a caminhada vamos descobrindo a Verdade e ganhando a Vida.

Ah, já ia me esquecendo; junto a mim e a você estarão outros e outras, pois Deus vai acrescentando dia a dia novos caminhantes. Te encontro no caminho.

Rev. Adi Éber Pereira Borges †

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by