Plantão de Notícias

Vídeo: Criminoso preso por estupro de vulnerável tenta contra vida de policial em delegacia e acaba morto

Imagens divulgação

Da redação Diego Alves

Um criminoso que não teve sua identidade divulgada, que havia sido preso em Meridiano (SP), acusado de estupro de vulnerável, tentou contra a vida de um policial da Força Tática dentro do saguão da polícia Civil de Fernandópolis (SP), no início da madrugada deste sábado (08). Ele chegou a sacar a arma do militar e acabou disparando por 4 vezes, sendo que um dos disparos acabou acertando sua própria cabeça, vindo a óbito ainda dentro do distrito policial, o momento foi registrado por câmeras de monitoramento. Assista o vídeo no final da matéria.

Segundo o que foi apurado pela nossa reportagem, um criminoso que não teve a identidade divulgada, que havia sido preso em Meridiano (SP), acusado de estupro de vulnerável e teve sua prisão ratificada, após o término do registro da ocorrência, os militares avisou um dos policiais civis que estava de plantão, que o preso estava com as algemas da PM e precisava ser trocadas para que eles deixassem o local, já que havia lavrado e finalizado o boletim de ocorrência.

Digitais

O policial civil, disse que poderia retirar a algema e deixar o indivíduo sem algema, pois ele teria que colher as digitais do preso. Neste mesmo momento, uma equipe da Força Tática, apresentava uma ocorrência de tráfico de drogas, sendo que os militares chegaram a questionar se o preso por estupro não iria ser encaminhado a cela, sendo informado pelo policial civil que iria colher a digital dele primeiro e posteriormente ele seria encaminhado até a cela.

Disparos

No momento em que o policial civil estava colhendo as digitais do preso por estupro, o acusado repentinamente partiu para cima do militar da Força Tática, onde o militar consegue encaixar uma chave de pescoço no indivíduo. Ao mesmo tempo, outro policial tenta conter o acusado com socos. Contudo por motivos ainda serem esclarecidos, o criminoso conseguiu sacar a arma do polícia, efetuando 4 disparos, sendo que um deles atingiu a sua própria cabeça.

Óbito

Uma unidade do SAMU foi acionada, porém o óbito foi constatado ainda pelo local, o momento em que o criminoso parte para cima do policial foi registrado por câmeras de monitoramento. Apesar da complexidade da ocorrência, nenhum policial militar ou civil ficou ferido.

IML

Após perícia, o corpo do criminoso foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal), para realização de exame necroscópico.

Vídeo

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by