Plantão de Notícias

Polícia Civil prende acusado de “penhorar” documentos e objetos de usuários em Birigui

Foto divulgação

Da redação Diego Alves

Um homem de 52 anos, identificado pelas iniciais O.S.F, foi preso nesta quinta-feira (20), acusado de tráfico de drogas e receptação. Após um árduo trabalho de investigação, os policiais civis deram cumprimento a um mandado de busca e apreensão em uma residência no bairro Vila Bandeirantes, onde o acusado é suspeito de “penhorar” documentos e realizar a receptação de celulares produto de Furto/Roubo.

Na manhã de 20/04, uma equipe de policiais da DelPol Birigui (SP), Chefiada pelo delegado Dr. Eduardo de Paula, com o apoio da equipe do 01º DP de Birigui, Dr. Guilherme Valera cumpriram busca e apreensão em um imóvel na Vila Bandeirantes, aonde haviam denúncias que o morador de 52 anos, identificado pelas iniciais O.S.F, estariam praticando o tráfico de drogas, receptação de produtos de furto/roubo e também aceitaria “penhorar” documentos de usuários em troca de drogas.

Segundo o que foi apurado pela reportagem do Birigui Notícias da Hora, a informação decorreu da investigação de um desaparecimento de um rapaz ocorrido em setembro de 2022, onde houve a informação que ele deveria grande quantia em dinheiro para O.S.F, e teria “penhorado” seu RG no local e que após o desaparecimento, O.S.F. teria devolvido o documento para o pai do desaparecido.

Flagrante

Durante o cumprimento so mandado, pelo local foram encontrados mais de 60 documentos de terceiros, diversos cartões bancários e de recebimento de benefícios sociais federais e estaduais, R$ 122,00 em notas diversas, aparelhos celulares de origem suspeita (três deles foram identificados como relacionados à ocorrências policiais anteriores) e escondido nos fundos da casa estava uma caixa com sete porções de crack.

Negou

Questionado sobre os fatos, o investigado negou traficar e alegou que trabalharia como a “compra” de benefícios de terceiros, onde repassaria certa quantia para os “vendedores” e posteriormente sacaria os valores dos benefícios na medida em que fossem creditados pelo governo estadual ou federal, conforme o caso.

Desaparecimento

Indagado sobre o rapaz desaparecido, ele confirmou que emprestou dinheiro poucos dias antes do desaparecimento, que devolveu o RG ao pai do desaparecido, porém, negou ter cometido qualquer crime contra ele.

Preso

Diante dos fatos e materialidade, o acusado O.S.F. foi conduzido ao plantão policial e preso em flagrante delito pela prática do tráfico de drogas e receptação.

Compartilhem, deixe seu Like

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by